Coopertradição apresenta resultados em pré-assembleias e Assembleia Geral


20/02/2019

A Cooperativa Agropecuária Tradição – Coopertradição reuniu para a prestação de contas detalhadas de cada unidade, no período de 11 e 13 de fevereiro, seus cooperados em sete pré-assembleias, que aconteceram simultaneamente em Mangueirinha/PR e Clevelândia/PR, Coronel Vivida/PR, Candói/PR e Palmas/PR, Renascença/PR e Palma Sola/SC, cidades nas quais a cooperativa possui entrepostos. Estes eventos antecederam a sua Assembleia Geral Ordinária e Assembleia Geral Extraordinária, respectivamente AGO e AGE, e ocorreram no último dia 15 de fevereiro, na Sociedade Rural de Pato Branco/PR.

Realizada anualmente, as pré-assembleias e a AGO são eventos de grande importância para o cooperado, pois neste momento são apontados os números e os planos de atividades para o ano que se inicia. Na ocasião, os cooperados também têm a oportunidade de inteirar-se da situação em que se encontra a cooperativa. Já a AGE é realizada sempre que necessário por em pauta algum tipo de reforma no estatuto.

A Diretoria da Coopertradição fez sua prestação de contas a mais de 1.200 pessoas, sendo que mais de 380 estiveram presentes na AGO e AGE em Pato Branco/PR.

O presidente da Coopertradição, Julinho Tonus, deu início aos trabalhos com a Assembleia Geral Extraordinária (AGE), onde inseriu à reforma estatutária no Artigo nº 2 (portaria 515/18) – Agricultura Familiar – Prestar serviços de assistência técnica e extensão rural aos agricultores familiares para a produção de matérias-primas.

Na Assembleia Geral Ordinária (AGO), que foi realizada em sequência, foram apresentados os resultados de 2018 e previsões para 2019 nos setores de insumos, grãos e sementes; Análise do balanço patrimonial; Bonificações do Programa de Fidelização e Investimentos realizados no ano de 2018, que teve como sua principal aquisição um Moinho de Trigo na cidade de Itapejara D’ Oeste/PR, onde foi investido um total de 13 milhões, e para 2019 a Indústria de Soja em Clevelândia, que foi arrendada da Massa Falida Olvepar por um período de 4 anos, e que também conta com um posto de combustíveis e um restaurante.

Além dos planos e metas apresentadas para este ano, também houve eleição para o Conselho Fiscal Gestão 2019, que tem como missão fiscalizar, através da análise de dados e relatórios contábeis, se os atos administrativos estão dentro dos parâmetros legais e se obedecem às atribuições pré-estabelecidas no Estatuto Social. O mesmo deve ter formação de seis membros, sendo três deles efetivos e três suplentes.

Para o Exercício social de 2019, foram eleitos os seguintes cooperados:

- Membros Efetivos: Francisco Renosto, Irineu Taparello e Junior Antonio Gollmann
- Membros Suplentes: Idair Giacomin, Roberto Hasegawa e Edyson Boldrini.

Houve votação também para a Destinação das Sobras ou Perdas Apuradas, a qual foi escolhido destinar 50% para Quota Capital dos Cooperados e 50% para o Fundo de imobilização.

Entre os demais assuntos tratados, podem-se destacar os eventos sociais como palestras e viagens, que sempre contam com um número muito expressivo de cooperados, e cursos e treinamentos para os colaboradores.

As assembleias da Coopertradição têm o compromisso de passar transparência e dar acesso às informações, oportunizando o debate e o questionamento dos resultados obtidos ao longo do ano e apresentando suas novas metas com o objetivo de fortalecer cada vez mais o elo entre cooperativa e cooperado.


Via do Conhecimento, 1911 km 02
Pato Branco - PR
(46) 3220-2000 / (46) 3122-8000
coopertradicao@coopertradicao.com.br
Desenvolvido por BRSIS